Paraíba tem 11 mil presos, mas só tem vaga para cinco mil

Um levantamento feito pelo Política&etc na Secretaria Estadual de Administração Penitenciaria (SEAD), constatou que a Paraíba tem em seus presídios mais que o dobro da capacidade.

No Estado são 11.683 presos para 5.407 vagas, o déficit supera o número de vagas disponíveis chegando a 6.276 presos além do limite.

A maioria esmagadora da comunidade carcerária é de homens, 11.092, enquanto as mulheres são 591.

Para se ter uma idéia do excesso de presos, o Presídio do Roger, em João Pessoa, tem capacidade para 480 presos, mas abriga 1489. Semelhante é o que acontece com o presídio feminino Julia Maranhão, em Mangabeira. Segundo a assessoria da SEAD, lá são 338 mulheres em um local projetado para 93.

Onde tem vaga sobrando e no presídio de segurança máxima, onde os presos não têm regalias  e o regime é mais forte. No PB1, das 700 vagas, 246 estão disponíveis.

 

Écliton Monteiro

Comentários

comentários