Supremo mantém abertura de ação penal contra Eduardo Cunha

or unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) negou hoje (1º) recurso do presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), contra abertura de ação penal na qual ele passou à condição de réu nas investigações da Operação Lava Jato.

Tweet about this on TwitterShare on FacebookEmail this to someonePrint this page

Comentários

comentários