Marcondes Gadelha revela articulação do PSC, PDT, PROS, Podemos e Solidariedade para formar bloco e definir candidato ao governo em conjunto

Marcondes Gadelha

Presidente estadual do PSC, o deputado federal Marcondes Gadelha revelou ao Política&etc que cinco partidos estão se articulando para formar um bloco e disputar as eleições proporcionais este ano. Além do PSC, o PDT, Podemos, Solidariedade e Pros podem está juntos na disputa por vagas na Câmara Federal e Assembleia Legislativa.

Questionado sobre a pré-candidatura de Lígia Feliciano ao governo, Marcondes disse que o grupo tem dialogado sobre teses e que “conversar não arranca pedaço”. Ele ponderou que a candidatura do PDT é uma possibilidade, mas não descartou outras possibilidades, mas adiantou que a prioridade está entre os partidos de oposição.

Marcondes disse que esta semana deve acontecer uma reunião mais enfática para discutir a definição dos partidos que devém adotar um candidato ao governo em bloco.

 

VEJA MAIS:

“Vou até o fim e as alianças vão vir”, diz Lígia Feliciano descartando desistência

Comentários

comentários