FACENE/FAMENE se desvincula do Fies, não oferece alternativa de financiamento para alunos e Paraíba pode deixar de formar médicos

Estudantes da Faculdade de Medicina e Enfermagem Nova Esperança (FACENE/FAMENE), estão sendo prejudicados e correm o risco de trancar o curso após faculdade se desvincular do Fies e não ter condições de pagar a mensalidade que já é considerada  a mais cara do Nordeste. A decisão da faculdade pode fazer com que a Paraíba passe a formar menos médicos devido a desistência de alunos que já estão cursando medicina, por falta de alternativa de financiamento para o pagamento do curso.

Inseguros, os estudantes criaram o movimento Unidos por um Ideal de Educação Inteligente (UNIEI), com o objetivo de lutar pelo direito ao Programa de Financiamento Estudantil (Fies) e pelo pagamento de uma mensalidade mais justa, para que possam permanecer estudando.

O movimento conta com mais de cem alunos. Insatisfeitos com a atual situação da instituição, relatam que “A faculdade não se preocupa com o bem-estar do aluno e não oferecem nenhum tipo de financiamento. Uma vez que a minoria é quem consegue pagar o valor abusivo da mensalidade sem quaisquer tipo de ajuda.” disse a aluna Rafaela Lobão.

 

 

 

Com informações do PolêmicaPB

Comentários

comentários