Bruno decide dá crédito a oposição na hora errada

Que o vereador Bruno Farias (PPS) anda insatisfeito com o tratamento que tem recebido do prefeito Luciano Cartaxo (PT), desde que deixou o secretariado do governo, não é novidade. Como a corda está esticando, nesta terça-feira (18), o vereador decidiu votar com a oposição em um projeto de iniciativa do Poder Executivo, mas não foi uma boa hora.

Acontece que a proposta de Cartaxo beneficia diretamente o contribuinte, livrando de multas e juros os que estão em débitos no IPTU, ISS e ITBI. Na tentativa de fazer o petista pagar o que tem feito com um aliado, Bruno acabou dando crédito a oposição numa hora inadequada, já que a medida é popular.

A alegação para o voto contrário foi a pressa com que a iniciativa foi apreciada em plenário, sem direito a vista.

Bem, lembrando o que disse Raissa Lacerda (PSD) há um tempo, o fim do relacionamento de Bruno e Cartaxo está chegando ao fim: “É Breeeeeeeeeeve, é breeeeeeve e não vai demorar muito não”.

 

Écliton Monteiro

 

Comentários

comentários