Vereador quer conceder medalha Cidade de João Pessoa ao jogador Douglas Santos

Um Decreto Legislativo apresentado pelo vereador Dinho (PMN) na Câmara Municipal de João Pessoa pretende homenagear o jogador paraibano Douglas Santos.

 

O vereador espera que a proposição seja aprovada na Casa de Napoleão Laureano por unanimidade, já que o jogador foi destaque na campanha vitoriosa da seleção brasileira na conquista da inédita medalha de ouro nos jogos olímpicos.
“Eu me sinto muito feliz e honrado em propor essa homenagem, já que Douglas Santos vem engrandecendo o nome da Paraíba e dos atletas paraibanos por onde passa. Seja na Seleção Brasileira, seja nos clubes que representa, ele é exemplo e motivo de honra e homenagens e essa conquista do ouro olímpico vem abrilhantar ainda mais sua carreira” pontuou o vereador.
A Medalha do Mérito da cidade de João Pessoa é a maior honraria do Legislativo Municipal e é concedida àqueles de extraordinário valor que prestam relevantes serviços a cidade de João Pessoa, elevando o nome da Capital paraibana.
Douglas Santos
O jogador paraibano de 22 anos nasceu em João Pessoa e iniciou sua carreira jogando futsal ainda na escola. Passou pelo ‘peneirão’ e foi admitido nos juniores do Náutico, no final de 2011. No início do Campeonato Pernambucano de 2012 disputou três partidas no estadual, marcando um gol.
Ainda no Náutico, com a saída de Waldemar Lemos e a chegada de Alexandre Gallo, Douglas Santos passou a ter um papel mais importante no time, chegando à titularidade na ao longo do Campeonato Brasileiro de 2012. Ao final do ano, Douglas Santos foi classificado como a revelação do Náutico na temporada.
Passou pelo Granada, da Espanha e Unidense, da Itália e desde 2014 atua pelo Atlético Mineiro. Em função de suas boas atuações e regularidade ao longo do Campeonato Brasileiro de 2015, Douglas Santos recebeu a Bola de Prata e foi eleito para a seleção do Brasileirão.
Aos dezoito anos, Douglas Santos foi convocado para a Seleção Sub-20 em 2012. O jogador passou por um período de testes na Granja Comary, onde participou de amistosos da Seleção Sub-20. Ao final de 2012, foi um dos 22 convocados para disputar o Campeonato Sul-Americano Sub-20 de 2013, na Argentina.
Poucos dias depois de completar 19 anos, foi convocado por Luiz Felipe Scolari para a Seleção Brasileira principal pela primeira vez, em 2013, para disputar uma partida amistosa contra a Bolívia. Em maio de 2014, foi convocado por Alexandre Gallo para jogar o Torneio de Toulon pela Seleção Brasileira Sub-21. Em 2015, o jogador recebeu sua primeira oportunidade com o técnico Dunga, sendo chamado para os amistosos contra a Costa Rica e os Estados Unidos.

Integrou o elenco que disputou a Copa América Centenário em 2016. Estreou pela seleção principal em 2016 em partida amistosa contra o Panamá.
A mais atual conquista veio nas Olimpíadas, onde ajudou a Seleção Brasileira a conquistar a inédita medalha de Ouro nos jogos olímpicos.

 

 

Assessoria

Tweet about this on TwitterShare on FacebookEmail this to someonePrint this page

Comentários

comentários