Governo Bolsonaro consegue levar o povo da rede social para as ruas em protesto contra corte na Educação

Impulsionado pelas redes sociais, onde sempre encontrou grande apoio. O governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) conseguiu, nesta quarta (15), fazer a população brasileira voltar às ruas.  Todos os estados e o Distrito Federal registraram, nesta quarta-feira (15), manifestações contra o bloqueio de recursos para a educação anunciado pelo Ministério da Educação (MEC). Pela manhã, houve atos em ao menos 149 cidades. Universidades e escolas também fizeram paralisações após convocação de entidades ligadas a sindicatos, movimentos sociais e estudantis e partidos políticos.

 

Na Paraíba, milhares de pessoas estiveram no ato que aconteceu no Centro da Capital. Houve protesto também em Campina Grande e Guarabira.

 

“A maioria ali é militante. É militante. Não tem nada na cabeça. Se perguntar 7 x 8 não sabe. Se perguntar a fórmula da água, não sabe. Não sabe nada. São uns idiotas úteis, uns imbecis que estão sendo utilizados como massa de manobra de uma minoria espertalhona que compõe o núcleo de muitas universidades federais do Brasil”, afirmou Jair Bolsonaro  ao ser questionado sobre os atos, durante visita ao Texas (EUA).

Comentários

comentários